Bariloche - Argentina
Bariloche

Nossa vizinha Argentina é o segundo maior país da América do Sul. Um lugar com diferentes destinos dentro do mesmo país. São 23 províncias, 41 milhões de habitantes sendo 15 milhões somente na capital Buenos Aires. A gastronomia é sensacional e as paisagens de tirar o fôlego.

A Argentina é uma país com tradições fortes, assim como o Brasil. Somos duas nações bem parecidas mas ao mesmo tempo com culturas bem diferentes. A base da refeição dos argentinos é a carne com batata. Buenos Aires se destaca por ser a capital mundial do tango e por suas casas de espetáculo.

Com atual crise econômica do país, a alta do dólar e uma boa infraestrutura, a Argentina vem conquistando cada vez mais os brasileiros. Tanto para turismo como para estudos e trabalho. Esse país se tornou um grande atrativo principalmente pela não obrigatoriedade do passaporte.

Como chegar na Argentina

Há voos direto das principais capitais brasileiras para Buenos Aires. As empresas TAM e GOL tem as maiores ofertas de voos. As companhias Qatar, LAN e Aerolíneas Argentinas também operam nesse trajeto.

Quando ir

Você pode visitar a Argentina em qualquer época. O que vai mudar é a região que você quer conhecer e a temperatura ideal. A maior parte do país tem clima temperado. Ao norte clima tropical e ao sul clima subpolar.

Os meses de julho e agosto, dezembro e janeiro são considerados alta temporada em todo país. É recomendável fazer reserva com antecedência. O ideal é visitar a Argentina no outono ou na primavera quando as temperaturas estão mais amenas.

O que fazer

Buenos Aires

A cidade é a capital do país e possui todo um charme que te conquista logo de cara. Uma vez em Buenos Aires, não deixe de conhecer o Obelisco que foi construído para a comemoração dos 400 anos da cidade. Casa Rosada é considerada sede do governo argentino. Um dos prédios mais simbólicos do país e Patrimônio Histórico Nacional. Estádio Monumental Núñez comporta até 70 mil torcedores e possui um museu que conta a história do time. Calle Florida é bastante conhecida por abrigar uma série de lojas de marcas conhecidas juntamente com floriculturas, livrarias, comércio em geral e artistas de rua.

Cataratas del Iguazu

Mesmo que você já conheça a parte brasileira, vale a pena a visita do lado argentino que também é de tirar o fôlego.

Ushuaia

É conhecida como a cidade do fim do mundo, mas é bem diferente do que podemos imaginar. Aconchegante e gelada, Ushuaia é a capital da terra do fogo e está mais próxima da Antártica do que Buenos Aires. A cidade tem uma longa temporada de neve, porém oferece passeios, atividades ao ar livre e uma natureza de tirar o fôlego.

Patagônia

Conhecida como a terra do fogo, a Patagônia é um dos destinos mais visitados na Argentina. Um lugar onde você entra em contato com leões marinhos, pinguins, focas e áreas geladas. Sem contar que é uma região encantadora com vista para a Cordilheira dos Andes.

Tigre

Saindo da estação Retiro, Tigre é cidadezinha florida que fica a uma hora de trem de Buenos Aires. Um lugar tranquilo e pacato que abriga o Museo da Arte de Tigre (antigo cassino) e oferece um passeio de barco pelo Rio Tigre até as ilhas mais próximas.

Bariloche

Uma cidade com 130 mil habitantes localizada na região dos Lagos Andinos. Atrai muitos brasileiros em busca de neve. Esse destino encanta gente de todas as idades e oferece muito mais do que snowboard e esqui. Bariloche possui um cenário de filme, boa infraestrutura para turismo e vários passeios.

Mendonza

A cidade fica a 13 horas de ônibus de Buenos Aires. Ao pé das Cordilheira dos Andes, vale a pena visitar com calma. Mendoza também é a capital argentina dos vinhos e oferece paisagens lindíssimas com direito a trilha sonora e monumentos históricos. Ainda proporciona atrativos para esportes radicais e possui uma estação de esqui. A melhor época para ir a Mendonza é no verão quando as temperaturas estão mais agradáveis, porém há atrativos durante o ano inteiro.

Curiosidades e Dicas

  • O ponto mais alto da Argentina é também do continente Americano. O Aconcágua fica na região de Mendonza e possui 6.960 metros de altura.
  • A população da Argentina é de 41 milhões de habitantes. Menor que a do estado de São Paulo.
  • A maior parte das quedas d’água nas Cataratas do Iguaçu estão do lado argentino, porém a maior queda fica do lado brasileiro.
  • Brasileiros não precisam de visto para entrar no país, apenas passaporte válido ou carteira de identidade
  • A carteira de motorista brasileira é válida no país caso opte por alugar um carro.
  • A moeda é o peso argentino.
  • Existe uma taxa chamada Cubierto na Argentina onde ninguém consegue entender direito sua função. O mais certo seria uma taxa para uso de talheres e guardanapos, mas que não é a mesma coisa que a gorjeta do garçom.
  • Tenha muito cuidado com bolsas e pertences pessoais. Como toda grande metrópole é comum os turistas terem seus pertences roubados.
  • Muito cuidado na hora de pegar o táxi. Como em toda grande capital, sempre tem alguém mal-intencionado. Procure utilizar aplicativos na hora de chamar o táxi. Utilize sempre os carros pintados de amarelo e preto, que fazem parte de uma corporativa. Não ande em carros sem taxímetro. Não pague com $100 para evitar que o troco venha com notas falsas.

Crédito das fotos: divulgação

COMPARTILHAR
Artigo anteriorZanzibar
Próximo artigoBem vindos ao Peru

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here