Centro Histórico de Paraty
Centro Histórico

Esse ano nós resolvemos comemorar nosso aniversário de namoro/casamento de uma maneira diferente. Fizemos um jantar romântico e uma viagem no fim de semana até Paraty.

Leia mais sobre outras dicas de viagem

Por que conhecer Paraty

Paraty está espremida entre o mar e a serra com casarões coloniais, igrejas do século 18 e 19, casas e ruas construídas por escravos onde é proibida a passagem de carros. Porém basta caminhar pelo centro histórico e logo você percebe que a cidade tem todo um charme. Uma mistura de sotaques e gente de todos os lugares. É uma combinação perfeita entre o moderno e a tradição.

Além do valor e cultura histórica, Paraty também é rica em belezas naturais. A cidade reúne praias, cachoeiras e piscinas naturais. Para conhecer toda a baía de Paraty, você vai precisar realizar um passeio de barco ou escuna que partem todas as manhãs do cais.

Como chegar

Os aeroportos mais próximos de Paraty são os do Rio de Janeiro, a 256 quilômetros. O aeroporto de Guarulhos está a 280 quilômetros. De carro saindo do Rio de Janeiro pela rodovia Rio-Santos. Saindo de São Paulo a melhor opção é via Ayrton Senna, pegando a rodovia Tamoios até a Rio-Santos.

De ônibus a empresa Reunidas Paulista faz o trajeto até São Paulo – Paraty. A empresa Costa Verde opera Rio de Janeiro – Paraty. A companhia Útil opera Belo Horizonte – Paraty.

O que fazer

Com uma mistura de história e belezas naturais, a dica é fazer um roteiro que integre esses dois lados da cidade. Passando desde o centro histórico até as ilhas intocáveis, há alguns pontos que você não pode deixar de conhecer:

  • Centro Histórico
  • Praias da Vila de Trindade
  • Teatro de Bonecos
  • Passeio de Barco
  • Caminho do Ouro
  • Visitar os Alambiques
  • Walking Tour
  • Visitar as lojinhas de artesanato local

As praias ficam afastadas da cidade e você vai precisar de um barco ou escuna para chegar até lá. Um dos roteiros mais populares são as ilhas Duas Irmãs, Comprida, Araújo, Rasa, Algodão, Catimbau. Se você prefere lugares mais sossegados e praias mais tranquilas opte por Saco de Mamanguá, Cajaíba, Mantin de Sá e Ponta Negra. A caminho de Trindade você pode apreciar também a rústica praia do Sono e as piscinas do Cachadaço.

Se você estiver procurando por uma passeio de barco para conhecer as ilhas e belezas naturais da região, recomendamos a empresa Barcos em Paraty, escuna Porto Seguro. Fizemos o passeio com a empresa e só temos elogios. Equipe e atendimento impecável com certificado de excelência pelo TripAdvisor. O almoço é servido a bordo, a comida é maravilhosa e o número de passageiros é reduzido para melhor conforto e serviço. Procurem por Luciana ou Gisele.

Depois de um dia inteiro conhecendo as ilhas, que tal um banho de água doce pelas cachoeiras da cidade. A maioria fica a menos de 10 quilômetros. Não deixe de conhecer a cachoeira Pedra Branca, Poço da Laje, Poços dos Ingleses, Tobogã, Toca da Ingrácia e Poço das Andorinhas.

Já não bastasse todas as praias e cachoeiras, Paraty também é rica em esportes e ecoturismo. Trekking, mergulho, arvorismo e tirolesa são algumas das opções.

Onde comer

Em Paraty não faltam opções de bares e restaurantes. Em cada esquina você encontra boas alternativas de gastronomia italiana, francesa até tailandesa. Com pratos feitos a base de banana da terra e o delicioso camarão casadinho, você não pode deixar de provar a deliciosa comida da região.
Recomendamos a Casa Coupê que fica na esquina da praça da Matriz, Galeria do Engenho especializados em frutos do mar e o Restaurante Banana da Terra um dos melhores da cidade. Restaurante muito bem localizado com uma culinária típica de bares boêmios paulistas e cariocas. Uma comida deliciosa, decoração rústica, ambiente descolado, cheio de gente bonita e alto astral.

Vida Noturna

O centro histórico também pode ser bem animado com bares e programação musical. Uma dica para quem quiser aproveitar a noite e curtir a brisa da cidade é a Casa Coupê. O bar/restaurante fica em frente à igreja matriz com mesas na calçada e banda tocando. Os bares da Rua Marechal Deodoro também são uma boa opção.

Onde ficar

Também não faltam opções de hospedagem por toda a cidade e para todos os bolsos. O centro histórico concentra grande parte dos hotéis e pousadas. Os bairros como Portal das Artes e Caborê são bem agradáveis e mais baratos. Com uma atendimento familiar e impecável, todos os funcionários atencioso e super simpático. Procurem pela Nana e sua mãe que são responsáveis pela pousada e nos deram todas as dicas de Paraty.

Leia mais sobre dicas de hospedagem em Paraty

Dicas

  • Leve sapatos confortáveis para andar por Paraty. Lembre-se que o centro é todo de pedra e usar salto ali é impossível.
  • Cuidado para não entrar com o carro no centro histórico de Paraty. Algumas áreas são permitidas mas a melhor opção é estacionar e caminhar.

Crédito das fotos: arquivo pessoal e divulgação

COMPARTILHAR
Artigo anteriorMonte Verde
Próximo artigoÁfrica do Sul

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here