Passeio de trem

Em primeiro lugar fazer uma viagem de trem no Brasil pode não ser algo tão comum. Geralmente os passeios de trem são bem populares na Europa. Onde a malha ferroviária é excelente e cobre longas extensões. Contudo engana-se que acha que não temos esse tipo de viagem em terras tupiniquins. Embora o Brasil não tenha o mesmo investimento nas ferrovias, o cenário é muito atrativo. Sem falar que os passeios podem garantir uma experiência incrível. Além disso selecionamos as melhores viagens de trem para se fazer no país. Descubra qual trajeto combina com o seu perfil e embarque com a gente.

Melhores destinos para viajar sozinha
Destinos para curtir no feriado

Por outro lado no Brasil a malha ferroviária sempre foi utilizada para fins industriais e comerciais. Por isso muita gente nem sabe que há rotas turísticas incríveis. Com infraestrutura e qualidade impecáveis. Além disso há trens de longa distância, trem diário, trem de fim de semana. Passeios que passa pela Serra do Mar, por estradas de ferro centenárias, que corre por planícies pantaneiras e que contorna pedaços raros de Mata Atlântica nativa. Tem passeios e trem para todos os gostos. Como se não bastasse são quase 30.000 quilômetros de trilhos e estações que vão impressionar qualquer turista. Sem dúvida viajar de trem é uma experiência única.

Passeio de Trem Curitiba – Morretes

Primeiramente a ferrovia que liga a cidade de Curitiba até a bucólica Morretes no Paraná foi inaugurada em 1885. São 110 quilômetros de uma das mais belas paisagens do Brasil. Além disso é um passeio incrível pela Mata Atlântica em uma ferrovia com mais de 130 anos e um trajeto que dura cerca de três horas. Aliás os trens podem chegar a 21 vagões divididos em quatro categorias de classe e com capacidade total de 1104 passageiros.

Como se não bastasse durante o caminho o turista se depara com pontes, viadutos, cachoeiras e vegetação exuberante que acompanha toda a viagem. O trem da Serra do Mar parte diariamente de Curitiba com um horário de ida e outro de volta. Além disso o acesso até a rodoferroviária em Curitiba é bem fácil. Acessível tanto para carro como para quem vai de ônibus. Por certo uma dica importante seria escolher apenas um trajeto (ou ida ou somente a volta). Como são três horas dentro do trem, o percurso de ida e volta pode ser tornar cansativo. Você pode optar por um pacote que tenha ida de trem e a volta de van ou micro-ônibus. Assim você aproveita para conhecer a estrada da Graciosa. Por fim para obter maiores informações só clicar aqui.

São João Del Rey – Tiradentes

Antes de mais nada o trem parte diariamente de São João del Rey sentido Tirantes. O percurso de 13 quilômetros de distância dura cerca de quarenta minutos. Além disso as saídas ocorrem normalmente na sexta, sábado e domingo. Sendo assim o custo somente de ida é R$50, ida e volta custa em torno de R$60. Aliás uma dica bacana é ficar atento aos dias e horários. O passeio pode lotar aos sábados, férias escolares e época de festivais em Tiradentes. Outra dica é escolher o lado esquerdo do vagão (sentido São João – Tiradentes) que possui uma vista mais bonita da imensidão e dos paredões da serra. Por fim o trajeto passa por atrações como cidades históricas, museu ferroviário, Rio da Morte, Serra de São José e fazendas mineiras.

Para maiores informações: Av Hermillio Alves, 366, São João Del Rey, MG tel: (32) 3371-8485.

São João Del Rey – Tiradentes

Bento Gonçalves – Garibaldi/Carlos Barbosa

Em primeiro lugar o trem parte da cidade de Bento Gonçalves em direção a Carlos Barbosa com parada em Garibaldi. O percurso de 23 quilômetros dura cerca de duas horas. O ingresso custa em média R$98 na baixa temporada e R$120 na alta temporada. Além disso o embarque é feito durante uma degustação de vinho. Ao longo do passeio passamos por paisagens serranas, apresentações teatrais e danças típicas, degustação de vinho e champanhe. Aliás esse passeio ocorre de quarta a domingo sendo necessário fazer reserva. Nos meses de janeiro, julho e dezembro ocorre saídas diárias devido à alta procura. Por fim para obter maiores informações só clicar aqui.

Bento Gonçalves – Garibaldi/Carlos Barbosa

Campinas – Jaguariúna

Primeiramente saindo da estação Anhumas de Campinas em direção a Jaguariúna. Certamente um dos melhores passeios para se fazer com criança. Um percurso de quase 25 quilômetros. Com atrações que vão desde a estação de Jaguariúna até Museu Dinâmico Viação Férrea. Incluindo uma parada estratégica em Pedro Américo para apresentação do funcionamento da locomotiva que é datada de 1920. Além disso o passeio custa cerca de R$70, dura cerca de 3h30 (ida e volta) e tem saída aos sábados e domingos. Por fim para obter maiores informações só clicar aqui.

Campinas – Jaguariúna

Passeio de Trem Viana – Araguaia

Sem dúvida um passeio incrível pelas Serras Capixabas. Saindo da estação ferroviária de Viana em direção a Araguaia em um percurso de 46 quilômetros. Além disso o moderno trem sobe a mata Atlântica passando por atrações que vão desde as serras capixabas percorrendo os municípios de Domingos Martins e Marechal Floriano. Aliás essa linha férrea foi reativada em 2010 para passeios turísticos. As saídas ocorrem aos sábados, domingo e feriados. O ingresso custa em torno de R$160 (ida e volta). Por fim para obter maiores informações só clicar aqui.

Viana – Araguaia

Belo Horizonte – Cariacica

Antes de mais nada o trem sai da estação ferroviária de Belo Horizonte em Minas Gerais em direção a estação Pedroso Nolasco no Espírito Santo. Além disso o percurso possui 664 quilômetros de distância. Certamente a mais longa do país e a única que atravessa estados. Embora a locomotiva seja bem moderna e com duas categorias, não há nenhuma atividade turística. O trem serve apenas com transporte. No trajeto passamos por atrações como fazendas, cidades, pequenas comunidades, o caudaloso Rio Doce, represas, túneis, serras, viadutos e velhas estações. Por fim para obter maiores informações só clicar aqui.

Belo Horizonte – Cariacica

Campo Grande – Miranda

Primeiramente mais conhecido como Trem do Pantanal. Sai da estação de trem Indubrasi sentido a estação de trem de Miranda em um percurso de 130 quilômetros. Além disso as saídas ocorrem aos sábados às 8h com chegada as 18h. As atrações vão desde a serra do Maracaju, serra da Boquena, passando pelas áreas com floradas de ipês, rios e cachoeiras.
Por fim para obter maiores informações só clicar aqui

Passeio de trem
Passeio de Trem Campo Grande – Miranda

Pindamonhangaba – Campos do Jordão

Desde já saindo de Pindamonhangaba em direção a Campos do Jordão em um percurso de 47 quilômetros. A ferrovia foi adquirida em 2004 e mantém o trem tracionado pela locomotiva a vapor. Além disso no caminho passamos por atrações como a Ponte do Rio Paraíba do Sul com parada no Balneário Reino das Águas. Seguindo para a estação Santo Antônio do Pinhal. Como se não bastasse nesse trajeto podemos observar as belezas do Vale do Lajeado e da Pedra do Baú. Sem falar na visão panorâmica do ponto ferroviário mais alto do país. Por fim para obter maiores informações só clicar aqui

Passeio de trem
Passeio de Trem Pindamonhangaba – Campos do Jordão

Passeio de Trem na Serra do Navio Amapá

Em primeiro lugar sai da estação de trem de Macapá em direção a Estação Ferroviária Serra do Navio em um percurso de 194 quilômetros. O trem passa por atrações como florestas densas e vilas que margeiam a ferrovia. Além disso a região é banhada pelo Rio Amapari e seus igarapés. Passa pelos municípios de Santana, Porto Grande e Pedra Branca do Amapari. Sendo assim esse passeio pode durar até seis horas e o turista pode acompanhar algumas empresas que ainda operam na extração de minérios. Por fim para obter maiores informações: (096) 3281-2572

Serra do Navio Amapá

Ouro Preto – Mariana

Primeiramente sai da cidade de Ouro Preto em direção a Mariana em um percurso de 18 quilômetros. Percorridos em menos de uma hora. Além disso esse passeio é fruto da revitalização de uma antiga ferrovia construída em 1883. Os vagões foram reformados artesanalmente mantenho suas características originais. Por outro lado o trem tem capacidade para 292 pessoas, composto por seis carros de passageiros sendo cinco convencionais e um panorâmico. Essa experiência é praticamente uma viagem no tempo. Para obter maiores informações só clicar aqui

Passeio de trem
Passeio de Trem Ouro Preto – Mariana

Crédito das fotos: divulgação

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Solve : *
19 × 25 =