Punta Cana

Punta Cana é um destino paradisíaco daqueles que você só vê em cartões postais. São oito mil quilômetros de praia de areia branca com coqueiros, palmeiras e mar azul. Perfeito para a prática de esportes aquáticos como kitesurf, windsurf, caiaque e passeios de barco. Mais de dois milhões de turistas visitam as praias todos os anos.

Ao longo da costa leste são mais de quarenta resorts que se organizaram para atender toda a demanda de turistas que vão em busca desse paraíso. O melhor de tudo é que a maioria deles funciona no sistema all-inclusive. Os resorts e hotéis se alinham lado a lado, podendo até circular entre eles. Não faltam opções de lazer e gastronomia como casinos, baladas, restaurante, Spa, campo de golfe e diversas piscinas. Diante de tantas opções de lazer e entretenimento você ficará tentado a passar todos os dias dentro do resort. Porém seria um erro não aproveitar as belas praias vizinhas, ilhas e até nadar com golfinhos.

Como chegar a Punta Cana

Punta Cana está a leste de Santo Domingo, capital da República Dominicana e pertence a província de Altagracia. São três horas de carro até o conglomerado de resorts e hotéis. O aeroporto mais próximo está em Altagracia. Isso quer dizer que você não precisa ir até Santo Domingo para pegar seu voo.

Há diversas empresas que operam o trajeto do Brasil até a República Dominicana. A Copa Airlines faz conexão no Panamá e possui voos saindo de São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Manaus e Recife. A LATAM faz conexão em Lima e Santiago saindo de São Paulo e Rio de Janeiro. Avianca sai de São Paulo e faz conexão em Bogotá. A melhor opção para brasileiros é a GOL que faz o trajeto direto para Punta Cana com escala de uma hora em Caracas. O único ponto ruim da GOL é que são sete horas de voo sem nenhum entretenimento.

Quando ir

A alta temporada é considerada de dezembro a abril, quando as chuvas são menos intensas e o clima mais seco. Nesse período há uma grande procura por turistas americanos e europeus. Os preços não são tão camaradas.

Os meses de junho a novembro são considerados baixa temporada devido aos furacões e tempestades. Mesmo assim isso não deve ser um problema para quem decide viajar nessa época do ano. Esse tipo de intempérie não ocorre a muitos anos e os resorts estão preparados para esse tipo de eventualidade. A temperatura média de Punta Cana é de 26 °C e no inverno 22 °C.

O que fazer

Em Punta Cana não faltam opções de lazer e entretenimento para todas as idades e todos os gostos. Por isso é muito comum que os turistas dividem seu tempo entre piscina e praia. A equipe de entretenimento oferece diversas atividades e esportes. Até mesmo competições para ver quem bebe mais. Os resorts também disponibilizam restaurantes, bares e lanchonetes onde você pode usufruir quantas vezes quiser. Você não precisa sair do resort se não quiser.  Em Punta Cana os resorts disponibilizam tudo o que o turista possa precisar.

Belas paisagens, bons restaurantes, todos os tipos de entretenimento e lazer. A noite ainda conta com balada e cassino. Se mesmo assim você quiser sair, há outros passeios interessantes que pode ser feito.

Passeios

A Ilha Saona é um dos principais passeios oferecidos pelas operadoras. Essa ilha fica a 1h30 de Punta Cana, em Baiahybe. Lá você irá ver um mar ainda mais bonito. Há uma parada para snorkel em aquário natural.

Ilha Catalina é um passeio bem parecido ao da ilha Saona, porém mais voltado ao mergulho de snorkel. Tropical Storm é um passeio de um dia feito em catamarã e com paradas em piscinas naturais. Comida e bebida estão incluso. Dolphin Island é uma plataforma em alto mar que mantém golfinhos e leões marinhos. Você ainda pode mergulho com snorkel em meio aos golfinhos.

Marinarium é um passeio de meio dia até a praia de Cabeza de Toro. Você poderá mergulhar em meio corais, tubarões (mansos) e arraias. O passeio termina com mergulho em uma piscina natural. ATV Tour em Macao é uma excursão em quadríciclo que dura até três horas pela praia deserta de Macao. Dá direito a parada em uma caverna.

Baleias podem ser vistas de 15 de janeiro a 15 de março. O melhor lugar para observação é na península de Samaná, há três horas de viagem. Parasailing é uma espécie de paraquedas puxado por um barco. Cabem até três pessoas e não precisa reservar com antecedência uma vez que ocorrem saídas de diversas praias.

Há muitos outros passeios que podem ser feitos por Punta Cana mas listamos apenas os principais. Vocês podem obter todas as informações no saguão dos hotéis e resorts.

Dica

  • A língua local é o espanhol, porém dentro dos resorts todos falam inglês.
  • A moeda é o peso dominicano, mas você só vai usar o dólar. Quando se trata de turismo, o peso dominicano é substituído pelo dólar. Troque seu dinheiro ainda no Brasil.
  • O fuso horário é de -1h relação a Brasília.
  • Não é obrigatório tomar nenhuma vacina antes de ir a República Dominicana, mas é aconselhável contra febre-amarela. A vacina deve ser tomada até dez dias antes da viagem e vale por dez anos.
  • Não é necessário visto para entrar no país, apenas passaporte válido. Assim que desembarcar será preciso comprar um cartão para turistas que permite seu acesso ao país. Esse cartão custa em média US$10
  • Procure contratar os serviços de transfer quando fechar sua reserva de hotel. Os táxis são caros e os taxistas aglomeram no desembarque o que torna a saída do aeroporto bem confusa.
  • As mulheres que decidirem viajar sozinhas a Punta Cana, saibam que os dominicanos gostam muito de estrangeiras e irão te abordar com frequência. Para evitar problemas, diga que tem novio (namorado) ou que é casada.
  • Gorjeta não é obrigatório, mas sim um ato de cortesia pelo bom atendimento.

Crédito das fotos: divulgação

COMPARTILHAR
Artigo anteriorLos Cabos
Próximo artigoSalar de Uyuni

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here